Subscreva

Cum sociis natoque penatibus et magnis
[contact-form-7 id="1210" html_class="cf7_custom_style_1"]

Subscribe elementum semper nisi. Aenean vulputate eleifend tellus. Aenean leo ligula, porttitor eu, consequat vitae eleifend ac, enim. Aenean vulputate eleifend tellus.

[contact-form-7 id="984" html_class="cf7_custom_style_1"]

Passear no Porto

Os dias por aqui têm sido caóticos e muito, muito cheios. Entre os novos workshops que andamos a preparar, os projectos bonitos dos clientes, o curso de culinária que comecei há umas semanas (se quiserem, conto-vos tudo mais tarde) e o resto dos projectos da minha vida, os dias são muito cheios. O que é que isto quer dizer? Que se torna difícil encontrar tempo para passear, aproveitar os primeiros dias de sol, perder-me na cidade e fotografar só porque sim.

Este último domingo, decidi parar um pouco, ir até à rua e fazer coisas que estou sempre a adiar. Nós já vos tínhamos falado da Miss Pavlova e das pavlovas incríveis que encontram lá. Há já algum tempo que passaram a ter brunch e eu estava sempre a adiar a ida porque não encontrava tempo. Desta vez, sem desculpas fui experimentar e só tenho coisas boas a dizer. Não me vou alongar muito, deixo as imagens falarem por si mesmas, mas não deixem escapar os ovos Benedict!

Depois, para queimar toda aquela comida deliciosa, fomos passear pela cidade. Diria mais, fomos turistas na nossa própria cidade. Caminhámos em direcção ao rio e passámos pela rua das flores, uma das minha ruas favoritas do Porto. Quando me mudei para o Porto, há 7 anos atrás, eu vivi na rua das flores e não era nada do que é agora. Era uma rua onde passavam carros, onde os edifícios estavam a cair aos pedaços e uma rua tão escura que ninguém me queria visitar. Para muitos esta mudança é uma coisa negativa porque está associada à gentrificação da cidade. Eu, como sabem, gosto de ver a coisa pelo lado positivo e adoro que aquela rua escura onde vivi, tenha passado a ser uma artéria viva da cidade, com um pulso próprio.

Seguimos o passeio até ao Armazém, literalmente um armazém cheio de velharias e antiguidades. As lojas lá dentro são muito, muito bonitas e muito bem curadas. Fosse a carteira grande o suficiente e trazia muita coisa para casa :p Também tem um café simpático lá dentro e vale muito muito a pena o passeio.

Voltámos a subir e acabámos a tarde a conversar no miradouro da vitória, um miradouro que é menos conhecido mas que tem a minha vista favorita do Porto. Acho que é o carinho que guardo dos tempos que vivi nessa zona.

Quem nos lê há muito tempo sabe que costumavam haver muitos posts destes, sobre o Porto, sobre a nossa paixão pela cidade e os nossos conselhos de coisas que não vos podem passar ao lado. Gostavam que estes posts voltassem? Contem-nos tudo 🙂

Boa quarta-feira, pessoas!

Written by:

Designer, photographer, musician and dog lover.

Comments

  • ana rangel silva

    Reply

    Meu Porto lindo <3 Sim! Queremos mais posts como estes*

    Março 28, 2018
  • Dulce

    Reply

    Siiiimmmmm!!! O ano passado fui ao Porto ver o Dave Matthews e acabei por passar o resto da semana na cidade, fiquei completamente apaixonada pela cidade mas mesmo! Daquela paixão que quando pensamos nela damos um suspiro e sentimos um aperto no coração … por isso siiiiimmmm mais posts sobre o Porto!!
    … snif snif I miss y<3u…

    Março 28, 2018
  • Paula

    Reply

    Mais posts deste por favor :), vou mudar me para o Porto por uns curtos meses e quero aproveitar todo o tempo livre para calcorrear a cidade.

    Março 28, 2018
  • Joana

    Reply

    Excelente partilha! Venham muitos mais posts destes, por favor!!!

    Março 29, 2018
  • Larissa

    Reply

    Poxa, não vos acompanho a tanto tempo. Cheguei aqui recentemente. Contudo, adorei essa postagem. Ficaria feliz em ler mais conteúdos assim. Alias, que cidade bonita. Nunca tinha visto nada sobre ela. Tudo é muito bonito. Me bate uma sensação estranha, quase que como saudade (sendo que nem mesmo sabia sobre a cidade). Estranho, haha. Acho que a postagem me transmitiu essa sua saudade de passear pela cidade. Espero que encontre tempo para fazer isso com mais frequência. Esses passeios podem ajudar bastante a dar uma relaxada quanto a correria do dia-a-dia. ^^

    Um grande abraço!

    flarisme.blogspot.com

    Março 29, 2018
  • Cátia Santos

    Reply

    Adorei o vosso percurso, vou sem dúvida experimentar esses lugares 🙂

    Março 29, 2018
  • Micaela

    Reply

    Fotos maravilhosas e roteiro convidativo que fazem qualquer um querer conhecer a cidade do Porto. 🙂

    Abril 2, 2018
  • Louise Menezes

    Reply

    Amo o Porto! Definitivamente volto só para passear, comer e ver essa gente deliciosa do Norte 🙂 Amei o post!

    Abril 2, 2018

Leave a comment

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.