Subscreva

Cum sociis natoque penatibus et magnis
[contact-form-7 id="1210" html_class="cf7_custom_style_1"]

Subscribe elementum semper nisi. Aenean vulputate eleifend tellus. Aenean leo ligula, porttitor eu, consequat vitae eleifend ac, enim. Aenean vulputate eleifend tellus.

[contact-form-7 id="984" html_class="cf7_custom_style_1"]

Trabalhar em casa e gerir (bem) o tempo!

Deste lado do monitor, e a escrever-vos todos os dias, somos dois. Dois sortudos que decidiram deixar o emprego e vir atrás de qualquer coisa melhor. Nos nossos planos não estava, pelo menos  para já, um trabalho por conta própria, mas as coisas acabaram por acontecer assim. Se antes éramos colegas de trabalho na mesma empresa e nos sentávamos lado a lado, agora as nossas mesas estão longe, em casa de cada um de nós, não temos de apanhar o 500 todos os dias e não temos de esperar pelas 6 para sair porta fora e ir apanhar ar. Não temos hora de almoço, não temos que dar satisfações a ninguém, a não ser aos nossos clientes, e não temos tempo limitado para as pausas.

As diferenças entre trabalhar fora ou em casa são muitas, e no princípio pode ser complicado conseguir gerir o tempo, aproveitar ao máximo cada dia de trabalho, aproveitar também a liberdade que este nos tráz e conseguir ser organizado. A verdade é que quem depende dos trocos que ganha ao fim do mês para viver, é obrigado a descobrir como gerir tudo isto da melhor forma, e foi assim mesmo que aconteceu connosco. E o tempo, esse que tanta falta nos faz acabou por ser o nosso melhor aliado porque foi ele que nos fez descobrir como é que poderíamos tirar o melhor partido dos nossos dias.

Se são daquelas pessoas que no trabalho têm alguma flexibilidade e podem gerir o vosso tempo e outras tantas tarefas, este post também é para vocês. Partilhamos aqui algumas coisas que nos ajudaram a melhorar o nosso trabalho em casa, para quem trabalha como nós, ou não, e esperamos pelas vossas dicas também!

1. Ter um espaço de trabalho simpático
Não é preciso começar por ter um escritório digno de capa de revista de decoração de interiores. Basta que tenha o essencial e que não esteja cheio de “lixo” ou coisas que só vos distraem ou ocupam espaço. Tentem trabalhar num espaço arejado, com luz, e simpático! Rodeiem-se de coisas inspiradoras como quadros onde afixam imagens, flores ou livros. Isto é muito importante para se manterem criativos e com vontade de fazer coisas.

2. Aproveitar bem as horas em que estão realmente acordados!
Se uns trabalham melhor de manhã outros fazem-no à noite, e  este fator não tem peso nenhum na qualidade do trabalho de cada um. Somos todos diferentes e o melhor a fazer é saber tirar partido destas coisas que fazem parte de nós e que não conseguimos contornar. Descubram quais são as horas em que estão realmente activos e façam as tarefas mais exigentes nessas horas.

Por exemplo, nós acordamos por volta das 8:30 tomamos o pequeno almoço sem pressas enquanto  vemos blogs, passeamos no pinterest, enchemos os olhos e a cabeça com imagens bonitas e assim sentimos logo vontade de começar o dia. Fazemos o mesmo há uns 3 anos e, aliás, foi nesses momentos que o We Blog You começou a ser pensado.
Depois, e como ainda estamos com um pé dentro e outro fora da cama, aproveitamos para tratar de coisas que não nos exigem muita criatividade mas que já nos vão ajudando a acordar e a ficarmos a par do que teremos de fazer durante o dia. Respondemos a e-mails, fazemos orçamentos, contabilidade, e tudo o que não envolva desenhos. Quando tudo isto está feito e organizado, quando estamos finalmente acordados e o café já fez efeito, começamos a desenhar!
O dia de trabalho não tem hora certa para terminar, é o que dá trabalhar por conta própria, mas acaba quando as tarefas da lista foram todas riscadas ou quando a cabeça está tão cansada que não consegue fazer nem mais um risco. Os dias são todos diferentes, os trabalhos também, mas começam quase todos da mesma forma.

3. Fazer listas
Já aqui fizemos um post sobre a importância das listas, e mais uma vez voltamos a dizer que é muito importante anotar tudo e por dois motivos. Se por um lado nada nos escapa, está tudo escrito, por outro lado a satisfação de cumprir uma tarefa e riscar o item da lista é enorme! Funciona como estímulo para riscar mais umas quantas e assim ganhamos vontade para continuar o trabalho.

4. Não criar listas impossíveis!
Sim, o ponto de cima é muito útil mas, por experiência própria, sabemos que criar listas com 20 itens não é muito inteligente. Primeiro porque é impossível fazer tudo o que lá está e vão ter de arrastar coisas para  a lista do dia seguinte, e pior do que tudo isto, o sentimento de frustração por não terem cumprido tudo vai assombrar-vos durante mais um dia de trabalho :p
Façam listas sensatas e razoáveis.

5. Fazer pausas
É importante mas devem ser pensadas estrategicamente. Por exemplo, se sei que vou ver um episódio de uma série que me vai deixar cheio de vontade de ver mais uma meia dúzia, não devo fazer isso nas minhas pausas de trabalho. Nós temos a sorte de ter clientes que se reúnem connosco em cafés simpáticos e muitas vezes essa saída para um café já funciona como uma pausa porque há sempre dois dedos de conversa antes de tratarmos de assuntos sérios.
Parar para almoçar também é saudável e serve mesmo como um verdadeiro descanso. Às vezes almoçamos em frente ao monitor e no fim do dia sentimo-nos muito mais cansados.
Sair par almoçar ou para comprar uma alface na loja da esquina sabe bem, obriguem-se a sair de casa nem que seja para comprar pão e dizer bom dia a quem passa por vocês.

6. Criar Rotinas
Se não as tivermos de todo vamos viver muito mais cansados e exaustos. As rotinas podem parecer chatas mas sem elas a nossa vida seria muito mais complicada. Elas são a possibilidade de fazermos coisas sem pensarmos muito nelas, sem planearmos, porque já as fazemos todos os dias e tornaram-se fáceis e pura rotina. É óptimo fugir à rotina, é verdade, mas ter algumas durante o dia só nos facilita a vida. Por estes lados gostamos de rotinas pela manhã e de surpresas à tarde! 🙂

Se tiverem coisas para partilhar conosco somos todos ouvidos!
Até amanhã,
Raquel & Fred

Comments

  • Muito bom!

    Setembro 17, 2013
  • Gostei bastante do vosso artigo !!
    Comecei a menos de um ano a trabalhar sozinha e são muitos os obstáculos que temos que ultrapassar para conseguirmos produzir o que é necessário num dia de trabalho:)

    Depois de ler todos os vossos pontos acho que preciso de reestruturar o meu local de trabalho !!!

    Setembro 17, 2013
  • Este post veio mesmo a calhar! Tenho de aprender a organizar o meu tempo sozinha para a tese do meu mestrado, já que é muito fácil "perder-me" em casa… Vou tentar definir horários de "tese", descanso, e blog, que também é importante!
    Já agora, gostava que dessem uma vista de olhos no meu, tenho seguido muitas das vossas dicas, e o ultimo make over foi graças às fontes freebies 😀

    +++
    Joana,
    Style & Expect

    Setembro 17, 2013
  • Adorei o artigo, não o podia ter lido em melhor altura!
    Também trabalho em casa, meio ano mais ou menos, e estou a adorar a experiência, e o projeto está a começar a crescer 🙂

    Setembro 17, 2013
  • o que eu gostava de trabalhar em casa e ter assim..uma ideia inspiradora 🙂

    Setembro 17, 2013
  • obrigada a todos pelo feedback! Pelos vistos temos muito que conversar 🙂

    Ju, se gostavas pode acontecer! basta querer 🙂

    mimika, ainda bem! E montes de sucesso para o novo projecto 🙂

    Joana Isabel, ficamos mesmo contentes quando usam coisas nossas. Parabéns pelo blog! ah… e bom trabalho com a tese 🙂

    Joana Oliveira, boas decorações 😉

    Rita, montes de beijinhos e bom trabalho! 🙂

    Setembro 17, 2013
  • Vânia

    Reply

    🙂
    Nos casos graves como o meu também é preciso evitar: ir à varanda (corro o risco de lá ficar, na rede) e não ver sites de comida (podia fazer aquela tarte…)

    Setembro 18, 2013
  • AMEI!!!
    Excelente Post.
    Muito boa sorte para vocês e parabéns pela coragem 🙂

    Setembro 19, 2013
  • regra número 6: nao ter redes na varanda! :p

    Y. muito, muito obrigado 🙂

    Setembro 19, 2013
  • Excelent post, adorei as dicas! Comecei a trabalhar a partir de casa quando fui mãe há coisa de um ano e tem sido um desafio… Uns dias corre melhor, outros pior mas é ótimo poder fazê-lo! Sou fã das listas, são essenciais para conseguir organizar-me!

    xoxo
    cindy

    Setembro 19, 2013
  • Gostei bastante do post, muitas vezes questiono-me como é que se consegue trabalhar em casa, trabalhos que antes não o eram laborados assim, por aqui desdobro-me na tarefa de mãe e esposa e o trabalho do marido, peq empresa de jardinagem, depois de vários trabalhos a onde não me preenchiam e com valores salariais que me faziam ter mais despesas optei por estar em casa, ganho mais mas o cansaço e o stress chega ao extremo, tenho dias que não consigo fazer refeições sentada, gostava de ter uma outra ocupação de trabalho, estou a constatar que casamento e trabalho não ligam, mas não sei opções, se poderem colocar um post com sugestões sobre trabalhos em casa agradecia (••,)

    Continuação de bom trabalho.

    Setembro 19, 2013
  • Adorei o post e adorava conseguir trabalhar a partir de casa. Mas, para além de estar desempregada, nada me ocorre. 🙂
    Se tiverem alguma dica, agradeço o contacto.
    D.

    Setembro 28, 2013
  • Olá!
    Gostei bastante deste post. Trabalho em casa há anos!!!!

    Acho que outra dica importante tem a ver com: trabalhar logo de manhã! Se deixarmos para a tarde a vontade, vai-se! E quando se tem filhos pequenos em 3 ou 4 horas trabalhamos o mesmo que uma pessoa o dia inteiro num escritório. pelo menos comigo, foi assim que aprendi. Mas no início fazia tudo menos trabalhar… arrumava gavetas, ia ao supermercado, telefonava, internetava…
    Outro conselho: não deixem de ter auto-estima e arranjem-se sempre um bocadinho. Não é para andar de saltos pela casa. Mas convém estimular o estilo…
    Continuação de bom trabalho!

    Outubro 7, 2013
  • Trabalhar por conta própria ainda não é possível, talvez daqui a uns anitos… Mas todas estas dicas me pareceram ser bastante úteis! Até porque também tenho um blog, muito recente (uma semana) e tive medo de me desleixar com os estudos e o part-time. Acho que vocês os dois tiveram uma GRANDE CORAGEM em criar este projeto que pelos vistos tem muito sucesso e é super agradável de seguir/ler/partilhar.

    Boa sorte!

    Novembro 13, 2013
    • obrigado, Madalena! 🙂
      boa sorte para ti também, para já com os estudos, trabalho e blog! 🙂

      Novembro 19, 2013
  • Vocês, são sem dúvida alguma, duas pessoas que me inspiram imenso e que me fazem ter força para não desistir* Obrigada!

    Janeiro 22, 2015
  • 2.1. Investir numa boa máquina de café 😛 ihihi
    eu não trabalho a partir de casa, ou melhor não trabalho só a partir de casa, mas acho que o meu ponto fraco são mesmo as listas impossíveis como se o dia fosse ter 72h!

    Beijinhos

    Setembro 16, 2015
  • Revi-me muito nos métodos que recomendam. Acho que tenho uma rotina muito parecida nos dias em que trabalho em casa!
    Considero-as todas dicas muito importantes! E sim – criar rotinas é fundamental! Acordar e descansar mais ou menos pela mesma hora. É fácil e tentador por vezes fugir a isso, mas quando não o faço sinto-me sempre mais cansada!

    Beijinhos e bom trabalho! 🙂

    Sofia
    Seventeen Seconds

    Setembro 16, 2015

Leave a comment